Outro monstro na filmografia da família Scott

Luke Scott, filho de Ridley Scott, faz sua estreia como diretor de longas metragens com Morgan, ficção científica de horror. Anya Taylor-Joy (A Bruxa) interpreta a personagem título, um ser humano criado com DNA artificial, possuidora de telecinesia e um mau temperamento. Estão no elenco Kate Mara, Jennifer Jason Leigh, Paul Giamatti, Michelle Yeoh e Toby Jones, como a equipe que precisa lidar com a ameaça. Lançamento em setembro.


© Twentieth Century Fox

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Outro conto de cautela sobre os perigos do descobrimento científico, como o ser humano irá se arrepender se brincar de Deus, etc. Ou seja, mais um remake de Frankenstein. E não parece particularmente interessante, em visual ou desdobramento da trama.

Mas fuçando sobre o Luke Scott descobri algo importantíssimo: ele participa como “filho de Ridley Scott” em um documentário intitulado Dias Perigosos – Realizando Blade Runner. São nada menos que 3 horas e 34 minutos sobre o melhor filme (em minha opinião) já criado, com participação do elenco principal, roteiristas, diretor e produtores, além de um bando de escritores, parentes, formadores de opinião e etc.

Achei que o documentário da BBC sobre o filme era a versão definitiva, em formato de vídeo, sobre o longa, mas alguém obviamente conseguiu expandir o treco muito mais. Entrevistaram até a família do Philip D. Dick, famosos por sua sanha em processar todo mundo que tenta usar ou fazer referência a sua obra.

Preciso assistir isso!

Fonte: io9

Tagged ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s