Conan mata soldados como mata cobras: com uma arma

A Dark Horse Comics lança este mês as penúltimas edições de duas publicações de Conan, o Bárbaro. Em King Conan: Wolves Beyond the Border #3, o personagem já idoso e com uma improvável barba, está no meio de uma ainda mais improvável aliança com um grupo de pictos, seus inimigos tradicionais, para evitar uma invasão. São 32 páginas por US$ 3,99, com roteiro de Timothy Truman, arte de Tomas Giorello e cores de José Villarrubia.

Já interagiu amigavelmente com pictos antes, mas sempre é esquisito
© Dark Horse Comics

Já em Conan the Avenger #23, série mensal do cimério, ele invade a capital de Khauran comandando um exército de guerreiros do deserto, com o objetivo de destronar a rainha impostora e se vingar de sua crucificação em uma edição anterior. A história é adaptada do conto A Witch Shall be Born, do criador de Conan, Robert E. Howard, por Fred Van Lente, com arte de Brian Ching e cores de Michael Atiyeh. Também traz 32 páginas, mas o preço é um pouco menor: US$ 3,50.

24893867279_498b07b6ef_z
© Dark Horse Comics

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Gosto da arte mais realista do Tomas Giorello, semelhante ao trabalho de Barry Smith, John Buscema e Ernie Chan nas clássicas HQs dos anos 70 e 80, mas ver um estilo diferente como o de Brian Ching também não é nada mal. Dá uma revitalizada no personagem nesse formato, e provavelmente ajuda a atrair um público novo.

Boas amostras este mês! Ambas acabam em um cliffhanger e tanto, apesar da história com um Conan jovem ter mais restrições quanto ao que podem fazer contra o personagem; com ele idoso, é provável que um dia acabem matando-o, só pelo ineditismo.

De qualquer modo, comprei uma das edições de luxo do personagem pela Mythos Editora no Brasil, após mais de um ano sem adquirir nada. Custam uma grana, mas o material é de ótima qualidade – todas as outras que tenho estão muito bem preservadas, e vão ganhar um espaço dedicado em minhas modestas prateleiras literárias.

Tenho minhas dúvidas se conseguem lucrar alguma coisa com elas, mas espero que não parem tão cedo.

Fonte: Dark Horse

Tagged

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s