Outra versão de Robin Hood traz Jamie Foxx

Jamie Foxx é o primeiro nome conhecido no elenco de Robin Hood: Origins, nova versão do clássico fora da lei, desta vez com um tom mais violento, segundo a sinopse. Ele irá interpretar Little John, o enorme criminoso que enfrenta Hood no alto de uma ponte e acaba se juntando ao grupo criminoso após se entenderem brigando. Lançamento previsto para 2017.

Um Little John tampinha – nem Mel Brooks pensou nisso
© Columbia Pictures

Taron Egerton (Kingsman: Serviço Secreto) é o protagonista, com Eve Hewson (Ponte dos Espiões) interpretando o interesse amoroso, Marion. O diretor é Otto Bathurst, com experiência em seriados de televisão como Peaky Blinders e Black Mirror, e o roteirista é Joby Harold, cujo currículo também inclui Awake – A Vida por Um Fio, de 2007, e o roteiro de um filme sobre o Rei Arthur que está sendo dirigido por Guy Ritchie.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Olha, não tenho problema algum em transformar a raça, gênero e idade de um personagem, por mais clássica que seja a obra – se uma adaptação não faz nada diferente, existe para que? O que realmente me irrita é quando mexem na função do personagem ou transformam absurdamente sua personalidade.

Little John é o primeiro “inimigo” de Robin Hood quando este decide se basear na floresta de Sherwood – o sujeito é enorme, hábil lutador, cobra impostos indevidos e representa um obstáculo em vários níveis: físico, moral, social. Não apenas é um desafio à altura do Hood na hora de brigar, como também representa a população oprimida local, e as consequências de serem governados por corruptos/incompetentes. Derrotar e recrutar John representa conquistar a população inglesa.

O Jamie Foxx não me parece particularmente desafiador fisicamente ou representativo da população local, pelo menos nesse período histórico. Ou seja, vão aproveitar o nome, mas o personagem não tem nada a ver com seu objetivo original. E incluir um personagem negro no grupo de bandidos da floresta sequer é inédito – foi feito na versão de 1991, com o Morgan Freeman.

Mas chega de falar mal, tenho certeza que terá várias cenas de ação impressionantes, recriações históricas de cenários e roupas, e provavelmente irá faturar alguns Oscars técnicos.

Fonte: Deadline

Tagged

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s