E-book sobre impacto da tecnologia de teletransporte

A editora americana Phoenix Pick está distribuindo este mês o e-book Red Tide, escrito pelo premiado Larry Niven em parceria com os novatos Brad R. Torgersen e Matthew J. Harrington. A trama explora as consequência sociais do teleporte na civilização humana, um dos temas prediletos de Niven, presente no seu clássico Ringworld.

Nada mal! Tinham um orçamento de arte superior a US$ 5 dessa vez?
© Phoenix Pick

Para obter uma cópia gratuita, vá até a página http://www.phoenixpick.com/botm/Niven.htm, clique na opção Add to Cart logo abaixo da capa, reduza o preço para 0 dólares, clique na imagem Checkout, preencha um formulário de nome + e-mail, e daí baixe em formato .mobi e .epub. A oferta está disponível até o fim do mês.

Na mesma página estão disponíveis outras opções, que incluem Red Tide e mais livros de Niven e do também premiado Robert A. Heinlein, que variam de dois por US$ 4.99 a até seis por US$ 15.99.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Se o nome Brad R. Torgersen parece familiar, é porque ele liderou o movimento Sad Puppies deste ano, grupo conservador de escritores(as) que indicou vários livros para o Hugo Awards, em oposição às obras mais “politicamente corretas” que estariam dominando a premiação em anos recentes. Tenho um ou dois livros dele na minha lista de espera, mas ainda não li nada do sujeito. Bem simpático em entrevistas.

A intenção da Phoenix Pick obviamente é convencer o leitor a comprar alguns livros graças à amostra grátis, e após uns dois ou três anos tentando, conseguiram um grande resultado comigo. Depois de ler Soothsayer, de Mike Resnick, distribuído no mês passado, comprei o pacote completo que ofereciam. É um velho oeste futurista sobre uma menina capaz de prever todos os futuros possíveis, com antecedência o bastante para escolher o que preferir. Inacreditavelmente divertido, mas um pouquinho prejudicado pelo encerramento desolador.

Não sei quando vão conseguir repetir a dose (talvez na próxima franquia do Resnick? Será que eles têm os direitos de Santiago?), mas acredito que devem obter sucesso com mais frequência do que não. São uma das poucas que mantém iniciativas desse tipo – a outra, bem mais graúda, que me veem a mente é a Baen.

E pensar que cinco a dez anos atrás o modelo “freemium” parecia que ia deslanchar com tudo. Bom, até que funciona bem em MMOs.

Fonte: Newsletter da editora

Tagged

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s