Monthly Archives: December 2014

Will Smith é um criminoso

Will Smith e Margot Robbie são um casal de vigaristas em Golpe Duplo, novo filme sobre criminosos tentando roubar dinheiro de forma inteligente, através de subterfúgios e trapaças. Smith interpreta o bandido experiente, que resolve treinar Margot mas acaba se sentido atraído por ela e comprometendo seu profissionalismo. Lançamento em fevereiro de 2015, também com Rodrigo Santoro e BD Wong no elenco.


© Warner Bros

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Por algum motivo estava com a impressão que o Will Smith passava por um momento de reinvenção da carreira, e que esse filme seria uma iniciativa para diversificar seu leque de atuações, ou, pelo menos, tirar um pouco o holofote de cima dele – mas olhando a ficha do cidadão no IMDB, vejo apenas filmes de super-herói e uma possível continuação de Bad Boys, ou seja, os mesmo velhos blockbusters anuais. Achei que a queda de rentabilidade estava forçando-o a mudar seus rumos, mas devo ter imaginado coisas. Seria bacana vê-lo dividindo filmes com outros atores, para variar – o que talvez aconteça no Esquadrão Suicida.

Por outro lado, olhem só a Margot Robbie. Se não estão tentando transformá-la à força no próximo rosto famoso, então ela é extremamente talentosa. Depois de O Lobo de Wall Street só ganhou papéis de grande projeção, ao lado de nomes bem conhecidos do cinema atual. Eu conheço-a apenas como esposa do DiCaprio no acima mencionado, e se não posso julgá-lo por apenas um papel, ao menos sei o quanto ela está disposta a se comprometer por uma personagem.

Vamos ao trailer de Golpe Duplo, para concluir: parece ser uma bobagem das brabas, mas é o tipo de filme de ação que custa pouco e permite ao elenco mostrar habilidade ao interpretar criminosos carismáticos. Provavelmente não vai chamar muita atenção nas bilheterias, mas é um precursor interessante ao Esquadrão Suicida, onde Smith e Margot irão se reunir.

Fonte: Coming Soon

Advertisements
Tagged

Vida cotidiana em um jogo de Final Fantasy

A série Final Fantasy é conhecida por misturar elementos medievais e tecnologia avançada, com a segunda progredindo cada vez mais com o passar dos anos. Em Final Fantasy XV, a combinação também inclui alguns elementos contemporâneos, mas sem deixar de lado a extravagância típica. Confira o resultado no trailer mais recente do jogo, ainda em desenvolvimento:


© Square Enix

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Agora dá para entender um pouco mais da trama. O grupo de personagens principais (estranho começar o jogo com um grupo pronto) coloca o pé na estrada devido a uma invasão de airships, e precisa ficar em movimento enquanto tentam resolver a situação. Antes parecia que estavam apenas de férias.

Devia retomar minha jogatina de FF, parei no sétimo. Será que o VIII foi adaptado para PC e está a venda em alguma lugar? É provável, mas a Square tem mania de enfiar a faca em tudo que tem no catálogo de clássicos/velharias. Gananciosos.

Fonte: Bleeding Cool

Tagged ,

Fogo e Gelo deve ser o próximo projeto de cineasta

Robert Rodriguez vai começar a trabalhar em seu novo filme Fire and Ice, agora que terminou as continuações de Machete e Sin City. O longa vai ser um épico de fantasia, inspirado na arte de Frank Frazetta e em uma antiga animação de mesmo nome dos anos 80. Na trama, um camponês precisa derrotar um Ice Lord para salvar a filha do senhor do Fire Keep.


© 20th Century Fox

De acordo com o cineasta, a arte de Frazetta sempre foi uma de suas grandes inspirações, e o visual que ele criou para Fire and Ice é o seu principal motivador para realizar esse projeto.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Ou seja, ao invés do preto e branco de Sin City, prepare-se para cores berrantes em arte sombria, com músculos exagerados e feições ferozes – mas novamente usando alguma técnica que aproxima o filme de um desenho animado.

Eu gosto da arte do Frazetta, especialmente quando ele desenhava o Conan. Mas dada a lista de filmes recentes do Rodriguez, não acho que esse longa vá fazer bem para a carreira póstuma deste sensacional desenhista.

Veremos. Ou não, talvez o orçamento de Fire and Ice fique além do que as produtoras estão dispostas a arriscar. Tantos livros bons para serem adaptados por aí e continuam teimando em remakes. Esse então, por mais que tenha excelente arte, parece ter uma história para lá de besta. O jovem camponês escolhido para derrotar o senhor do mal, tenham dó.

Fonte: Slash Film

Tagged

Vendas a todo vapor – har, har….

Já está acontecendo a promoção de final de ano de venda de jogos na loja online Steam. São milhares de títulos em vários gêneros, com descontos de até 90%, dependendo da idade do jogo ou do dia – novas promoções são anunciadas em intervalos regulares, com algumas durando dias ou apenas horas.


© Valve

A loja aceita várias formas de pagamento, incluindo cartões de crédito, Paypal e boleto bancário. As ofertas terminam no dia 2 de janeiro.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Nunca lembro de noticiar ou sequer de acessar o steam nesse período, mas calhou de ter terminado Shadowrun Returns no final de semana e ter entrada na loja conferir o preço da expansão – eis minha surpresa, o temível saldão Steam em pleno funcionamento. Comprei apenas o que eu queria e piquei a mula – minha capacidade de comprar apenas o essencial é praticamente um superpoder.

Fonte: Steam

Tagged , , ,

Atualização de Perfect World está online

Já está disponível a atualização Eclipse, para o MMORPG The Perfect World. Entre as novidades estão uma área centralizada para novos jogadores, uma dungeon de nível, novo sistema de habilidades e mais equipamentos mágicos. Além disso, foi introduzida a raça Nightshade, com duas classes novas: Stormbringer e Duskblade.


© Perfect World Entertainment

The Perfect World é um MMORPG asiático, baseado no folclore chinês, com ênfase em combate e missões em grupo. Ele é totalmente gratuito, com venda de itens por dinheiro real. Um deles, o Illusionary Crystal, que avança um personagem automaticamente para o nível 95, será dado gratuitamente para quem entrar no jogo até o dia 17 de janeiro.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Um personagem de nível 95 de graça, parece inacreditável, não? Principalmente considerando o grind interminável para avançar nesse jogo. Mas aposto que é uma armadilha: nível alto, mas completamente pelado! Quer equipamento à altura? Está disponível na loja! Mwahahaha.

Pois é uma estratégia completamente válida no contexto de MMOs free-to-play. Antigamente havia uma preocupação em vender apenas itens cosméticos (alguns jogos ocidentais ainda são assim), mas atualmente a venda de qualquer coisa está bem escancarada – aposto em itens de emergência até, capazes de matar um oponente no PvP, em troca de uns 50 dólares. Olha, acho que tive uma boa ideia…

Fonte: MMORPG

Site oficial: http://www.arcgames.com/en/games/pwi

Tagged

Então é natal no mundo secreto

A Funcom acaba de lançar o evento natalino de The Secret World. Os jogadores vão passar por uma missão de investigação usando elementos da Flauta Mágica de Mozart, os restos mortais de São Nicolas e conspirações maçônicas. Quests antigas de Natal também serão reativadas.


© The Secret World

Novos pets, chapéus e roupas serão incluídos no jogo, como recompensas das missões e à venda na loja online. O conteúdo natalino fica disponível até o dia 5 de janeiro.

The Secret World é um MMORPG de horror moderno, onde personagens com poderes sobrenaturais enfrentam todo tipo de monstro e conspiração. Não existe cobrança de mensalidade, mas é necessário comprar o jogo. Atualizações são lançadas periodicamente, ao custo de 10 euros cada, trazendo novos mapas, missões e sistemas.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

O Issue #8 de TSW trouxe o novo sistema de augments, onde você precisa fazer missões em salas virtuais, ganhar recompensas, montá-las gastando um monte de itens e torrar vários pontos de habilidade. Para quem não tinha a atualização, era possível jogar em apenas um cenário e ir juntando lentamente o material necessário (cooldown de 18 horas para cada sessão). Nunca encontrava alguém para jogar em equipe, então resolvi comprar a atualização.

Encontrei uma pessoa para jogar em dupla, apanhamos de criar bicho, fracassamos no cenário. Depois jogamos na dificuldade mais ridícula e até que deu certo. Desde então, não encontrei mais ninguém jogando nos cenários… dá um pouco de raiva, mas faz sentido o pessoal ter ido embora, já que é uma modalidade bem restrita, pouquíssimas opções fora aumentar dificuldade. E os augments são uma piada pelo custo.

Agora (janeiro?) provavelmente vou comprar o Issue #9, porque acredito que conseguirei encontrar gente em Kaidan, o mapa japonês de TSW. Isso e porque adoro coisas japonesas, então estou bem curioso. Mas se o lugar também estiver vazio, vou ficar desanimado. Estarei no servidor mais deserto? Ou é uma decadência generalizada? Continuo ajudando na divulgação, já que é o único MMO que jogo atualmente, mas é desanimador.

Pelo menos Shadowrun Returns está divertido, apesar de não ter uma opção multiplayer.

Fonte: The Secret World

Tagged

Caçadores de gigantes em Pathfinder

A Paizo acaba de lançar o Pathfinder Player Companion: Giant Hunter’s Handbook, um manual com várias opções para construir personagens caçadores de gigantes. São novas características, façanhas, arquétipos, equipamentos, magias, itens mágicos, e conselhos. O pequeno livro, de 32 páginas por US$ 8,99, também serve como prévia à campanha Giantslayer, série de seis aventuras que será publicada no primeiro semestre de 2015.


© Paizo

Pathfinder é um dos sistemas de RPG mais popular atualmente, criado há anos como uma versão alternativa de Dungeons & Dragons 3.5, mas modificado através de testes com usuários e expandido. Todos os livros são lançados em versão PDF e boa parte também é impressa.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Não costumo comprar os Player Companions da Paizo, já que são curtos demais pelo preço (exceto quando estão em oferta), apesar de geralmente trazerem temas bem interessantes. Esse me deixa particularmente tentado. Será que vão incluir regras específicas para enfrentar gigantes do tamanho de prédios? Atingi-los em partes específicas do corpo, escalá-los, atacar pontos vitais? Algo no estilo Shadow of the Colossus, ou Attack on Titan.

Infelizmente já estou com o NPC Codex engatilhado, aguardando apenas a verba extra de final de ano para pagar o cartão de crédito. Eu sei que a informação está disponível no PRD, mas além de apoiar a empresa com minha compra, também terei acesso à toda a arte – preciso dela para fazer miniaturas de papel para os jogos com meus filhos.

E pior que estou pensando seriamente em comprar o Giantslayer. Por outro lado, queria ter comprado o Iron Gods e aquele outro adventure path baseado em Osirion também. Mas preciso evitar cometer (ainda mais) o velho erro: comprar demais e usar de menos. Minha gigantesca coleção de AD&D que o diga.

Fonte: Paizo Blog

Tagged

Seriado de Arthur C. Clarke ganha mais elenco

Julian McMahon (Quarteto Fantástico) é o primeiro nome conhecido em Childhood’s End, mini-série do canal Syfy que adapta o livro Fim da Infância, de Arthur C. Clarke. Na trama, a humanidade vive em uma aparente utopia, mas sob domínio de misteriosos alienígenas. O programa deve ser lançado no ano que vem.


© Fox

O episódio piloto tem roteiro de Matthew Graham (Life on Mars e Doctor Who), com direção de Nick Hurran (Sherlock e Doctor Who).

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Complicado falar sobre esse projeto sem dar uma sinopse extremamente vaga. Ainda não li o livro e sequer me aprofundei no tema, mas já descobri acidentalmente a reviravolta (provavelmente) mais importante e outros detalhes que vão prejudicar minha experiência.

Se for pensar bem, acho que só li duas odisséias do Clarke até hoje, a 2001 e a 3000 (3001? Algo assim) e mais coisa alguma. Estou bem relapso quanto a este mestre da ficção científica. O Isaac Asimov também não li quase nada. Mas Frank Herbert e Robert Heinlein já li vários. Acho que prefiro os clássicos mais sombrios do que os idealistas.

Fonte: Deadline

Tagged

A dublagem de Final Fantasy XV

A sucursal da Square Enix no Reino Unido lançou uma versão dublada em inglês do trailer de Final Fantasy XV. O vídeo não traz imagens novas, mas apresenta bem as vozes dos principais personagens. O jogo será lançado para Playstation 4 e Xbox One, ainda sem data definida.


© Square Enix

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Algumas vozes boas, algumas horríveis, nada que faça alguém deixar de comprar ou ficar com vontade de comprar – é apenas mais uma comodidade para quem não gosta de legendas em seus cinematics, ou cansa dos mesmos gritinhos a cada golpe.

Curiosamente a qualidade dos dubladores americanos para projetos de menor visibilidade (qualquer coisa fora de desenhos animados na TV aberta) é bem questionável – se comparados aos profissionais brasileiros, então, passam vergonha. Para ter uma ideia, estava assistindo Guardiões da Galáxia pela quarta vez nesse final de semana, quando finalmente consegui colocar a versão legendada. Para minha surpresa, as vozes nacionais são quase todas melhores que as originais (o Yondu e sua gangue… bem…). Principalmente a do Rocket Racoon. E estamos falando de um filme milionário, com atores conhecidos.

Ou um exemplo mais próximo da realidade, compare as versões dubladas de Samurai X em inglês e português (Youtube!). Não parece ser o mesmo desenho, tamanha a diferença de talento.

Fonte: Anime News Network

Tagged

Mais divulgação de Better Call Saul

Better Call Saul, prelúdio a Breaking Bad vai ser lançado em fevereiro no canal americano AMC e pelo Netflix. Após um trailer recente, o programa ganhou uma arte com o protagonista Bob Odenkirk, disponível abaixo.


© AMC

A história se passa seis anos antes de Saul ser contratado pelo maior traficante do mundo, quando ainda usava o nome de Jimmy McGill. O programa vai mostrar como ele se transforma no advogado de criminosos Saul Goodman, misturando drama e humor sombrio. Duas temporadas já estão encomendadas, a primeira com 10 episódios e a segunda com 13.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Gigantescas expectativas para esse programa, como já mencionei (e provavelmente sempre o faço) no post anterior. Ainda não vi algo que justificasse minhas esperanças, porém. O trailer mesmo parecia um trecho qualquer de Breaking Bad – se por um lado é bom ver que preservaram o mesmo tom, por outro, uma continuação muito parecida, sem os protagonistas, dificilmente vai funcionar.

Bom, dois meses e descobriremos. Espero que venha pelo menos um trailer mostrando a real identidade desse programa.

Fonte: Coming Soon

Tagged