Monthly Archives: June 2013

Veteranos da ação se aliam em cadeia

A nova parceria entre Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger, Escape Plan, ganhou seu primeiro trailer. Stallone é um especialista em segurança, recrutado para testar uma prisão desenhada para conter os piores tipos de criminosos. Mas isso aparenta ser apenas uma desculpa para trancafiá-lo permanentemente, e quando percebe isso, se alia ao presidiário Schwarzenegger para planejar uma fuga. Lançamento em outubro, nos EUA.


© Summit Entertainment

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Finalmente um filme em que os dois dinossauros da ação estão trabalhando bem e se divertindo. Pela primeira vez em décadas vemos tanto o Arnold quanto o Stallone dando a impressão que não estão apenas presentes no set de filmagem porque precisam justificar o cachê milionário. Escape Plan parece um filme de fuga de prisão genuinamente decente.

A menos que estraguem tudo nos próximos trailers, vou assistir a esse treco nos cinemas. Adoro esse subgênero de filme policial, e a parceria entre os dois ícones parece que vai ser aproveitada bem, e não servir apenas para enganar o pessoal que era adolescente quando eles estavam em seu auge cinematográfico.

Fonte: Joblo.com

Advertisements
Tagged

RuneScape continua vivo e vem para o Brasil

A Jagex informa que está assinando uma parceria com o portal brasileiro UOL para fornecer assistência técnica e relacionamento com a comunidade em seu MMORPG de navegador, RuneScape. De acordo com a empresa, o jogo é o MMO gratuito mais popular do mundo, fato confirmado pelo Livro Guiness de Recordes (em 2008).


© Jagex

Segundo informações do site oficial, RuneScape é um jogo de fantasia, com magos, guerreiros, etc, e monstros mitológicos como vilões. Aparentemente não há um sistema de classe, mas os personagens evoluem selecionando diversos tipos de habilidades. O portal UOL não possui qualquer novidade sobre a parceria.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Falam tão mal de RuneScape, mas pelo vídeo não parece nenhum tragédia. Apenas genérico e sem atrativos. Apesar de adorar jogos com dezenas de classes, entendo o apelo de liberar para os jogadores as decisões sobre seus personagens. Talvez seja mais fácil manter o equilíbrio assim?

É incrível o quanto esses jogos de navegador estão evoluindo. Daqui a pouco inventam algum título realmente bom, aproveitando toda essa capacidade técnica disponível. Quem sabe alguma coisa saída do Kickstarter.

Fonte: MMORPG.com

Site oficial: http://www.runescape.com/

Tagged

Conan na segunda Hora do Dragão

Chega às bancas e à internet a segunda edição de King Conan: Hour of the Dragon, nova adaptação da Dark Horse Comics baseada no livro de nome semelhante, escrito pelo próprio Robert E. Howard. Nesta publicação, um idoso Conan relembra um episódio de seu reinado em que foi traído e aprisionado por seus inimigos, que quase mergulharam a Aquilônia no Caos. Roteiro de Timothy Truman, com arte de Tomás Giorello e cores de José Villarrubia.

Zenobia e Conan
© Dark Horse Comics

Esta edição traz Conan escapando do calabouço subterrâneo onde foi aprisionado pelo mago Xaltotun. Ele consegue fugir graças à ajuda de Zenobia, personagem que nos quadrinhos clássicos acaba virando a rainha da Aquilônia, mãe dos filhos reconhecidos por pelo bárbaro.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Duvido que seja a motivação principal, mas a Dark Horse coloca a seguinte frase em seu site sobre a revista em quadrinhos: “LEGEND OF CONAN COMING IN 2014!”. É uma referência ao terceiro filme do personagem com interpretação do Arnold Schwarzenegger, anunciado no ano passado. Espero que não vire realidade, e caso contrário, espero que não seja uma porcaria. Não estou acreditando nas minhas esperanças, infelizmente.

Destaco isso também devido a algo interessantíssimo que encontrei em uma revista velha do Conan, na gibiteca da Biblioteca Pública do Paraná. Na capa ou no índice, esqueci e não me ocorreu fotografar, de uma revista adaptando A Filha do Gigante de Gelo, o anúncio: “A história que será adaptada no ano que vem pelos Irmãos Wachowski!”, ou algo nesse estilo. Revista de 2002, por sinal.

Não consigo imaginar esse brevíssimo conto transformado em algo com 2 horas de duração, mas acho que seria melhor que o Legend of Conan.

Fonte: Dark Horse Comics

Tagged

Recrutamento é o tema em Ender’s Game

Ender’s Game – O Jogo do Exterminador, além de um subtítulo nacional, ganhou três cartazes promocionais, com temática militarista. Este filme de ficção científica chega aos cinemas brasileiros em 13 de dezembro, um mês e meio após a estreia americana. Asa Butterfield protagoniza como Ender Wiggin, criança prodígio que passa por um pesado treinamento para comandar as forças de invasão terráqueas a um planeta alienígena.

exterminador1

exterminador2

ender3
© Summit Entertainment

No elenco estão os veteranos Harrison Ford, Viola Davis e Ben Kingsley, e no restante do elenco infantil Hailee Steinfeld e Abigail Breslin. A direção é de Gavin Hood, responsável por X-Men Origens: Wolverine, que também escreveu o roteiro adaptando o livro de Orson Scott Card.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

E o tempo todo vejo, no twitter e em comentários, críticas ao filme devido à postura do autor do livro, Orson Scott Card. Acontece que Card é uma espécie de conservador religioso, com opiniões extremamente controversas sobre homossexualidade. E, para mostrar o quanto são contra a homofobia, ativistas e formadores de opinião incentivam o público a boicotar o filme.

Eu particularmente sou da opinião que uma obra de arte é completamente destacada de seu autor, seja um texto, um quadro, uma foto ou um filme. O escritor pode ser um babaca arrogante e asqueroso, mas se o livro for bom, azar. Uma coisa que poderia concordar é quanto a não gastar dinheiro na arte da pessoa que você repudia, mas ir ao cinema ver Ender’s Game não vai aumentar a fortuna do Card. Ele foi pago quando licenciaram o livro, se fizer sucesso ou não, isso não irá refletir na conta bancária dele.

Claro que, se o filme for bem de bilheteria, daí os próximos livros dele podem ser licenciados, o que vai refletir em sua fortuna. Se é que os estúdios já não compraram todos os direitos juntos.

Fonte: Coming Soon

Tagged

Drama com robôs gigantes e monstros

Círculo de Fogo, novo filme de Guillermo del Toro sobre robôs e monstros gigantes chega aos cinemas em 9 de agosto. Confira mais um trailer do filme, que estreia nos cinemas americanos já na metade do mês que vem.


© Legendary Pictures

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Mesmas imagens, música diferente, mais dramática. Outra notícia que está circulando atrelada a esse filme é que as pesquisas de interesse do público estão péssimas, a população em geral não teria curiosidade em ir assistir ao filme – uma comédia do Adam Sandler que vai ser lançada no mesmo dia está com mais aceitação.

Não confio muito em pesquisas de opinião – as últimas eleições municipais que o digam – mas dá até para entender. Estava olhando os detalhes de lançamento no Internet Movie Database (IMDb) e, pela primeira vez, percebi que não sabia o nome de nenhum dos personagens. Conheço alguns dos robôs, mas não fazia ideia de quem são seus pilotos.

E isso é culpa da divulgação do filme, que enfatizou apenas as lutas entre os jaegers e os kaiju – deve apelar para o gosto do público nerd, claro, e do infanto-juvenil (eis uma relação de preferências que prefiro não explorar). Ou seja, o resto da audiência deve estar enxergando o filme como uma cópia de Transformers, e não um drama sobre a humanidade se unindo e lutando desesperadamente pela sobrevivência.

Conseguem reverter isso em três semanas? Boa sorte. Vou assistir de qualquer jeito.

Fonte: io9

Tagged

Parceria entre Ridley Scott e Cormac McCarthy

The Counselor, novo drama policial de Ridley Scott ganha seu primeiro trailer, a quatro meses de sua estreia nos cinemas americanos. Com roteiro do premiado escritor Cormac McCarthy, o filme traz Michael Fassbender como um advogado que se envolve com o tráfico de drogas e sofre as consequências.


© Twentieth Century Fox

O impressionante elenco é encabeçado também por Brad Pitt, Cameron Diaz, Javier Bardem, Penélope Cruz, Natalie Dormer, Dean Norris, John Leguizamo, Rosie Perez e Goran Visnjic.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Mas já? Nunca vi um filme ficar pronto tão rápido assim! Acho que no ano passado estava noticiando que o McCarthy tinha escrito um roteiro que foi comprado instantaneamente, que o Ridley Scott assinou para dirigir logo em seguida e que o Fassbender quase pulou no papel principal. Depois disso era só novidades sobre elenco, uma contratação mais espantosa que a outra, e alguns meses de silêncio. E eis que o treco já está quase pronto.

Quanto ao vídeo, adorei a abertura violenta, a fuça do Bardem está sensacional (ele está a cara do Robert Downey Jr.), as expressões do Fassbender, o monólogo do Pitt, os ângulos, a fotografia, tudo está parecendo de primeira. Só os últimos segundos estão uma bobagem completa, e, para variar, a Penélope Cruz está envolvida. Sei não, acho que essa mulher é muito mais bonita que talentosa, e engana um monte de gente com isso.

Fonte: Deadline

Tagged

Munchkin se inspira na mitologia

A Steve Jackson Games acaba de lançar o jogo Munchkin Legends, nova expansão de seu popular jogo de cartas baseado em RPGs de ficção fantástica e científica. Esta versão traz personagens e armas míticas e lendárias de várias culturas, e é compatível com outras edições do jogo.


© SJG

Três a seis pessoas podem participar de uma partida, que consiste em andar em um calabouço matando monstros e coletando tesouros, enquanto seus colegas tentam impedi-lo. Todas as ações são feitas através das bem-humoradas cartas do jogo, criado em 2001 e atualmente com dezenas de expansões e versões. A Galápagos Jogos publica Munchkin no Brasil.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Quer dizer que Munchkin é um jogo de cartas? Achei que fosse um RPG de palhaçada, para dizer a verdade. Por outro lado tenho a impressão que já escrevi sobre o produto antes, mais especificamente sobre o Munchkin Conan – talvez tenha apenas mencionado o lançamento e não feito nenhuma pesquisa.

Gostei do material, até procurei por aqui (a Wikipédia disse que foi lançado pela Devir, mas só encontrei no site da Galápagos Jogos, que nunca tinha ouvido falar), mas infelizmente está meio salgado o jogo original, mais de R$ 60. São muitas cartas, mas precisaria apalpá-las antes de me convencer a comprar, verificar se valem o investimento.

Uma informação extra, Munchkin aparentemente é o jogo que mantém a Steve Jackson Games, onde o GURPS foi criado, economicamente saudável.

Fonte: Daily Illuminator

Site oficial: http://www.worldofmunchkin.com/legends/

Tagged

Definido novo vilão das Tartarugas Ninja

William Fichtner (o gerente de banco no início de Batman – O Cavaleiro das Trevas) será o vilão Destruidor, no filme As Tartarugas Ninja. Este novo longa das Tartarugas está sendo produzido por Michael Bay, com lançamento previsto para junho do ano que vem. De acordo com a sinopse disponível, os heróis são criados durante uma invasão alienígena, a qual enfrentam, em defesa da humanidade.

fichtner
© Warner Bros

Jonathan Liebesman, diretor de Invasão do Mundo: Batalha de Los Angeles foi contratado para a direção, com Megan Fox no elenco como April O’Neil, Will Arnett como Vernon Fenwick e Danny Woodburn (o vizinho anão de Kramer, na comédia Seinfeld) interpretando o mestre Splinter.

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Confesso que não estava acompanhando nada sobre esse filme. Desde a origem com alienígenas à contratação da Megan Fox, tudo estava me cheirando a um péssimo remake. A presença do Fichtner foi o suficiente para me chamar um pouco a atenção, apesar de isso não ser garantia de qualidade – ele adora interpretar ótimos vilões, mesmo que em filmes horríveis.

Não conheço nenhum dos atores que vão bancar as tartarugas, mas isso não é diferente dos filmes anteriores. Dando uma pesquisada, vi que elas serão totalmente em CGI agora, outro aspecto negativo da produção. Vamos ver como vai ficar o Kraang antes de largar mão completamente.

Fonte: JoBlo.com

Tagged

Sua filha é uma zumbi

Arnold Schwarzenegger estaria preparando seu retorno aos filmes de horror em Maggie, longa sobre zumbis. O ator negocia para ser o protagonista, um pai cuja filha foi infectada e está lentamente se transformando em um dos mortos-vivos. O foco da história seria na família lidando com a tragédia, enquanto ela acontece.

Jericho Cane
© Beacon Communications

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Quando você acha que o fenômeno dos zumbis está finalmente morrendo (har har), eis que surge o Brad Pitt, fazendo US$ 50 milhões na bilheteria em um final de semana e prolongando o sofrimento.

Mas, esse projeto do Schwarzenegger parece algo totalmente diferente. Provavelmente vai ser um drama, usufruindo de todo o talento do ator austríaco – como ele já fez em… uh… Um Herói de Brinquedo?

Sinceramente, depois que anunciaram The Legend of Conan, mais uma desgraça na improvável carreira cinematográfica do bárbaro cimério, quero mais que o Arnold se aposente.

Fonte: Coming Soon

Tagged

Gatchaman, os Vingadores japoneses

O anime G-Force vai voltar aos cinemas japoneses em agosto, com atores reais e seu título original, Gatchaman. Cinco humanos recebem treinamento, poderes e roupas especiais para combater forças terroristas, de acordo com a sinopse da série clássica.


© Toho

________________________________ ◊ Opinião ◊ ________________________________

Nas primeiras imagens, teasers, etc, estava imaginando o profissionalismo necessário para vestir as roupas ridículas e sair pelas ruas filmando. Em super sentai, como Changeman, por exemplo, os capacetes ao menos cobrem o rosto completamente, mas em Gatchaman todo mundo enxerga tuas fuças.

Daí eu reparei como o filme está extremamente parecido com Os Vingadores, do Joss Whedon, e como a situação dos atores envolvidos é semelhante. Não sei se Gatchaman teve tempo de ser influenciado pela produção americana, mas as similaridades são absurdas. Bem como a vergonha.

Fonte: Bleeding Cool

Tagged