Monthly Archives: February 2013

Cowboys versus Zumbis

Um dos últimos trabalhos de Wesley Snipes antes de ser preso, Gallowwalkers, ganhou seu primeiro trailer. Neste filme ele é Aman, o amaldiçoado filho de uma freira no velho oeste americano. Como castigo por ter nascido, todas as pessoas que ele mata voltam a vida como mortos-vivos em busca de vingança.


© Wrekin Hill Entertainment

Um Blade com zumbis inteligentes e faroeste, sem vampiros? Não parece tão ruim assim. Os sites divulgando afirmam que vai direto para DVD, mas aposto que conseguiriam algum trocado lançando nos cinemas. É estranho lançarem o trailer e promoverem lançamento para 2013, enquanto o astro continua preso por sonegar impostos. Será que vão entrevistá-lo na cadeia para gravar alguns promos?

Acredito que estão tentando aproveitar a popularidade de Django Livre, com seu também caubói negro protagonista, mas provavelmente teriam sucesso maior se aguardassem a liberdade do Snipes, e que sua imagem melhorasse um pouco. Pelo menos não foi pego por crime violento, apenas por ser um pilantra.

Fonte: Joblo.com

Tagged

Veja Norman Bates tentando dialogar

O seriado Bates Motel ganhou mais um trailer, desta mostrando uma cena completa, no meio de vários trechos curtos. O programa é estrelado por Vera Farmiga e Freddie Highmore, como a família de mãe e filho Norma e Norman Bates, personagens originalmente do filme Psicose, de Alfred Hitchcock. A série vai mostrar a adolescência do rapaz e os danos psicológicos que ele sofre até se tornar um serial killer.


© A&E

Dez episódios foram encomendados pelo canal A&E, com o início da exibição prevista para a metade de março. Os roteiros foram escritos por Carlton Cuse (Lost), Kerry Ehrin (A Gata e o Rato) e Jeff Wadlow (Kick-Ass 2).

Ah, caramba! Que porcaria de cena foi essa? Que diálogo mais fajuto, sem uma sombra de realismo ou seriedade! Estão se pegando de pancada e começam a discutir os méritos da mãe do Norman? E que briga mal-feita, se vão coreografar mal a coisa, disfarcem com ângulos criativos da câmera. Já não tinha gostado muito da violência gratuito nos trailers anteriores (Psicose era sutileza contrastada com momentos terríveis, de rápida execução), mas esse diálogo me afugentou da série. E isso era o melhor que tinham para mostrar?

Fonte: Bleeding Cool

Tagged

Reformas completas em Gianthold

Dungeons & Dragons Online ganhou sua 17ª atualização, Return to Gianthold. Desta vez, ao invés de lançar um mapa novo, a Turbine resolveu reformar um dos cenários clássicos desse MMORPG, a montanha tomada por gigantes. Além de missões novas, os jogadores agora podem ativar a dificuldade Heroic, aumentando o desafio e recompensas do local.

DDO
© Turbine

O update também inclui várias melhorias em quests por todo o jogo, alterações em itens mágicos, na classe Druida, entre outras novidades. E o jogo passa a contar com Augments, ou seja, espaço em equipamentos para encaixar pedras que dão bônus ao personagem. Dungeons & Dragons Online é gratuito para jogar, com a opção de comprar itens e acesso a missões/cenários adicionais gastando dinheiro de verdade.

DDO é muito bom. Se nunca jogou um MMO e quer começar, você dificilmente encontrará uma opção melhor, principalmente gratuita. A área inicial do jogo, a ilha no meio da neve, é sensacional para novatos, com missões variadas, diferentes níveis de dificuldade, e, melhor de tudo, objetivos interessantes. Pensando bem, nunca cheguei a instalar DDO no meu computador “novo” (quase um ano, o coitado). Imagino como ele ficaria rodando em uma placa de vídeo decente.

Fonte: MMORPG.com

Site oficial: www.ddo.com

Tagged

Warren Ellis lança novo webcomic

O escritor e roteirista Warren Ellis voltou a experimentar com webcomics. Desta vez está publicando diariamente, no formato de uma tira de jornal, Scatterlands, uma história aparentemente de ficção científica. A arte é de Jason Howard, e está disponível gratuitamente no site de Ellis, no meio de vários outros posts.

scatterlands01
© Warren Ellis & Jason Howard

Ellis já escreveu o roteiro de um outro webcomic há alguns anos, a também ficção científica Freakangels, sobre um grupo de jovens com poderes paranormais que causam o fim do mundo. A história ainda está disponível online em www.freakangels.com. Além de projetos independentes, ele também publicou várias revistas em quadrinhos, como Transmetropolitan, e RED, que deu origem ao filme RED – Aposentados e Perigosos, com Bruce Willis.

Gostaria de ter uma sinopse mais clara de Scatterlands, mas ninguém providenciou uma, e as tiras até agora não esclareceram muita coisa. Mas eu gosto dos outros produtos do Warren Ellis, e vou tentar lembrar-me de ir à página dele todo dia. Assisti à RED no Netflix esse final de semana – gostei do filme, apesar do começo chato e confuso. Excelente idéia colocar todo o elenco de velha guarda para trabalhar juntos em um longa de ação. Mesmo o diálogo fraco ou as coincidências ridículas ficam disfarçadas pela boa atuação dos veteranos. E os dois confrontos entre o Willis e o Karl Urban são muito interessantes também.

Fonte: warrenellis.com

Tagged

Escolha seu lado em Ender’s Game

O marketing do filme Ender’s Game enviou para sites de fãs os emblemas dos quatro exércitos da Escola de Batalha, cenário do longa. Gavin Hood dirige essa ficção científica baseada no livro O Jogo do Exterminador, de Orson Scott Card, protagonizada por Asa Butterfield, com Abigail Breslin, Hailee Steinfeld, Ben Kingsley e Harrison Ford no elenco também. Lançamento em dezembro.

emblemasmall
© Sun Distribution

No futuro a Terra está em guerra com a raça de alienígenas Formics, que já quase destruíram o planeta duas vezes. Se preparando para o próximo conflito, crianças promissoras são levadas para um treinamento intensivo, em busca de um general brilhante em potencial. O livro é publicado no Brasil pela editora Devir.

Não estão mandando muito bem nessa divulgação, pelo menos quanto ao público em geral. Talvez os fãs, e são muitos, estejam aprovando o material, mas até agora falharam em me impressionar. Acredito que o visual antiquado seja proposital, talvez uma homenagem à ficção científica clássica, mas os cenários estão tão vagabundos, tão baratos. Acho que vou subir o Ender’s Game para o topo da minha lista de leitura, quem sabe o livro muda minha opinião.

Fonte: Blastr

Tagged

Conan e Bêlit dando um tempo

A Dark Horse Comics está lançando hoje Conan The Barbarian #13, nova edição da revista mensal do personagem. Desta vez o roteirista Brian Wood colocou o casal Conan e Bêlit separados por uma guerra – enquanto ele pertence ao exército invasor, ela trabalha na defesa da cidade. São 32 páginas por US$ 3,50, em versão impressa e digital.

conan the barbarian 13
© Dark Horse Comics

Conan é um personagem criado por Robert E. Howard no início do século passado, um bárbaro habitando um mundo fantástico com pouquíssima magia, e geralmente ligada a fins diabólicos. Neste cenário ele viaja pelo mundo, lutando, roubando, se divertindo e explorando. Bêlit é uma de suas namoradas, tendo aparecido no conto A Rainha da Costa Negra – a revista em quadrinhos expande as aventuras do casal.

Volta e meia estou lendo algum livro de ficção fantástica, procurando algum personagem no mesmo estilo que Conan. Até encontro ambientes familiares, como na série Elric, e em outras histórias mais sombrias, mas ninguém, até hoje, consegue simular o mesmo carisma (isso inclusive atrapalha as adaptações para áudio dos livros de Conan) que o personagem. Tenho mais uma coletânea do personagem pronta para ler, mas hesito. O REH escreveu tão pouco.

Fonte: Dark Horse Comics

Tagged

Um pedacinho de Hannibal

O seriado policial Hannibal ganhou seu primeiro teaser. O programa começa a ser exibido em abril, no canal americano NBC, e se passa antes do filme O Dragão Vermelho, mostrando a relação profissional entre o agente do FBI Will Graham e o psiquiatra e canibal Hannibal Lecter. O personagem é mais conhecido pela interpretação de Anthony Hopkins, no longa O Silêncio dos Inocentes.


© NBC

Hannibal tem inicialmente 13 episódios e traz no elenco Gillian Anderson, Hugh Dancy e Laurence Fishburne, com Mads Mikkelsen (o vilão de Cassino Royale) interpretando o doutor Lecter. Dancy tem o papel do policial federal que caça serial killers, enquanto Mikkelsen será introduzido na série como um consultor, cujos atos criminosos não foram descobertos ainda.

Achei que esse programa fosse uma das grandes apostas da televisão americana em 2013. Mas pelo jeito me enganei completamente. Caso estivessem levando Hannibal a sério, não teriam apresentado-o com um teaser tão ruim e inútil. Se querem desanimar o público, excelente começo. Patetas.

Fonte: Criminal Element

Tagged

NCSoft compra o Unreal Engine 4 para seus jogos

A multinacional do ramo de jogos Massively Multiplayer Online Role-Playing (MMORPGs) NCSoft anunciou que adquiriu uma licença para produzir jogos utilizando o Unreal Engine 4. De acordo com Ray Park, da Epic Games (que desenvolveu o programa), “com o Unreal Engine 4 em suas mãos, a NCSoft está pronta para redefinir o sucesso em MMORPGs novamente”.

lineage2
© NCSoft

Atualmente a NCSoft conta com um sucesso internacional desenvolvido no Unreal Engine, o Lineage II. E em seu país de origem, a Coréia do Sul, estariam obtendo bons resultados com o jogo Blade and Soul, desenvolvido no Unreal Engine 3. Outros títulos distribuídos pela empresa incluem Guild Wars, Aion e WildStar, este último ainda em desenvolvimento.

Não costumo noticiar aquisições com poucos resultados práticos imediatos, mas gostei das intenções dos envolvidos. Quer dizer que o futuro dos MMOs seria um visual e jogabilidade melhores? Eu sei que é pura conversa de executivo, elogios superlativos e tal, mas se a mentalidade da empresa for essa mesmo, é meio assustador. Ao invés de investir no desenvolvimento da próxima geração de jogos massivos, continuarão arrastando o modelo atual, injetando tecnologias melhoradas (não novas, apenas mais trabalhadas) nele? Será esse mesmo o futuro dos MMORPGs?

Fonte: GamesIndustry.biz

Tagged

Robô gigante contra exército espacial em novo anime

A Sunrise está trabalhando em uma nova série de anime sobre robôs gigantes pilotados por adolescentes, Kakumeiki Valvrave (Valvrave o Libertador). O programa será exibido na TV japonesa a partir de abril, e abaixo você pode assistir a um vídeo promocional:


© Sunrise

O anime se passa em um futuro onde “70% da raça humana vive no espaço, devido ao desenvolvimento de cidades espaciais. Entre duas grandes forças – a Federação do Pacto Militar Dorushia e os Estados Unidos do Círculo do Atlântico – existe uma pequena nação neutra chamada Jioru, que tem prosperado economicamente. O protagonista Haruto, um estudante do Ensino Médio que vive em Jioru, encontra a misteriosa e proibida arma humanoide Valvrave, assim que o exército Dorushia os invade”.

Adoro thrillers políticos, e esse infelizmente é um gênero que não cubro aqui, dada a diferença enorme entre os públicos deste e de ficção científica e fantástica – até a ficção policial já força um pouco a barra. Ou seja, Valvrave combina dois temas que adoro, o que é estranhamente comum em animes sobre robôs gigantes; eles tendem a ser militarizados e/ou politizados. O visual do mecha, entretanto é um tanto chocante: não exageraram um pouco no neon e nas cores berrantes?

Será que existe algum anime sobre robôs gigantes controlados por pilotos profissionais que tenham idade o suficiente para tirar carteira de motorista? No papel de protagonista, digo, o velho mentor que talvez morra antes da batalha final não conta.

Fonte: Anime News Network

Tagged

Sin City 2 apresenta seu novo herói

Josh Brolin fez sua estreia no universo dos filmes Sin City em duas fotos reveladas pelo diretor Robert Rodriguez. O ator interpreta Dwight McCarthy no prelúdio Sin City: A Dame to Kill For, que traz histórias inéditas baseadas nos quadrinhos de Frank Miller. O lançamento acontece em outubro, nos EUA.

Brolin P&B

brolin verde
© Dimension Films

Os longas de Sin City contam várias histórias curtas no gênero policial, com dezenas de personagens diferentes, às vezes se cruzando, às vezes apenas fazendo referência um ao outro. Por esse motivo o elenco deles é amplo, e em A Dame to Kill For inclui: Bruce Willis, Joseph Gordon-Levitt, Juno Temple, Jessica Alba, Mickey Rourke, Rosario Dawson, Jeremy Piven, Ray Liotta, Michael Madsen, Dennis Haysbert, Christopher Meloni e Eva Green, como a personagem que inspira o título.

Tudo bem. O Brolin está com uma cara de durão, malvado, osso-duro de roer, mas o contraste com a segunda foto está hilário. Ter que trabalhar cercado por esses cenários imaginários deve exigir muita concentração e habilidade do elenco. Talvez o treinamento em teatro ajude, já que envolve muito imaginar o ambiente em que você se encontra. Mais impressionante ainda é o Rodriguez e sua equipe de editores conseguirem fazer algo decente com esse tipo de material – enjoativo, cansativo, mas decente o bastante para assistir.

Fonte: Joblo.com

Tagged