Clássico de Philip K. Dick pode virar série online

O Homem do Castelo Alto, livro de Philip K. Dick sobre uma realidade alternativa, vai ser adaptado pelo Amazon Studios em uma série online. Na obra, os nazistas ganharam a Segunda Guerra Mundial e dividem o controle sobre os EUA com o Japão. O programa iria ser produzido pelo canal Syfy antes de acabar nesse estúdio online.


© Aleph

O livro é vendido no Brasil pela editora Aleph.

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Esse foi um dos primeiros livros de realidade alternativa que já li, e apesar de não lembrar de detalhes, foi muito marcante. Situações bizarras, tramas paralelas com aparentemente pouca relação uma com a outra, e, surpreendentemente para o autor, realismo.

Acho que é um bom título para reler no futuro, ou, talvez, simplesmente assistir à essa série mesmo. Só preciso verificar como é o acesso ao conteúdo do Amazon Studios. Assinantes, por episódio, gratuito com propagandas? Não faço a mínima ideia.

Fonte: Deadline

Tagged

Terceiro Hobbit ganha trailer

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos chega aos cinemas no dia 11 de dezembro, concluindo a trilogia baseada no livro de J. R. R. Tolkien. Após reconquistarem sua montanha e o tesouro escondido nela, o grupo de anões de Bilbo Bolseiro precisa defendê-la contra outros grupos que exigem reparações pelos danos que sofreram nas mãos do dragão que habitava ali.

© New Line Cinema

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Vi somente uma parte do primeiro Hobbit quando estava com sinal aberto do Telecine ou HBO. E agora o dito cujo está disponível no Netflix. Mas, apesar de ter tido a oportunidade, não tive o ânimo de assisti-lo inteiramente. Não é um filme terrível, mas se comparado à trilogia original, é bem medíocre.

O material para ser adaptado é escasso, o suficiente talvez para um bom filme de duas horas e meia. Só que resolveram esticar tudo, e acabaram inventando personagens e situações bem abaixo do nível dos outros filmes. Uma pena, mas completamente previsível.

Dá pra assistir pelos efeitos especiais, por mais constrangedoras que sejam algumas cenas. A biga anã foi de doer.

Fonte: Slash Film

Tagged

Evil Dead pode ganhar continuação na TV

Bruce Campbell confirmou que deverá ser o protagonista de uma série de TV baseada nos filmes Evil Dead, conhecidos por aqui como A Morte do Demônio e Uma Noite Alucinante. A notícia foi revelada inicialmente por Sam Raimi durante a Comic Con, e o detalhe acima foi confirmado pelo próprio ator através do twitter. Ainda não há outros detalhes sobre a produção.


© Universal Pictures

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Precisamos de pelo menos uma confirmação antes de opinar sobre essa ideia ser boa ou ruim. Qual final de Army of Darkness vai ser utilizado como cânone? O de fim do mundo ou o dos deadites na loja do Ash?

Talvez seja um recomeço, mas considerando a avançada idade do Campbell, acho pouquíssimo provável.

E a ideia dos deadites seguindo Ash pelo resto de sua vida remete a um dos poucos bons filmes do ator, Bubba Ho-Tep, sobre um idoso Elvis Presley enfrentando uma múmia em um asilo de idosos.

Tenho minhas dúvidas, mas me manterei cautelosamente otimista. É bem provável que a história toda seja apenas uma piada deles, de qualquer modo.

Que tal a minha cobertura da cobertura da Comic Con? Como 90% dos posts foram dominados por filmes de super-herói, sobrou basicamente isso para relatar. Acho que saí no lucro.

Fonte: Coming Soon

Tagged

Trailer de Mad Max 4

Mad Max: Fúria da Estrada, quarto filme e também reboot da franquia ganhou seu primeiro trailer neste final de semana, durante a Comic Con. Tom Hardy e Charlize Theron protagonizam esta ficção científica pós-apocalíptica, onde a civilização entrou em colapso econômico e gangues dominam vastos territórios. Lançamento no ano que vem.

© Village Roadshow Pictures

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Gasolina, água, e agora, pelas “criativas” metáforas visuais, parece que o commodity mais procurado são mulheres virgens. Não entendi qual a grande ideia desse trailer – agradar feministas e ofendê-las ao mesmo tempo? Primeiro colocam a Charlize Theron (chamada Furiosa, mas calma que os nomes pioram) com muito mais tempo em cena e falas que qualquer pessoa – daí mostram mulheres seminuas de branco sendo caçadas por vilões.

E por que o Max Rockatansky tem que parecer um perdedor tão gigantesco durante praticamente o vídeo todo? É para mostrar os “sentimentos” do personagem devido à perda da família? Poxa, precisavam transformar ele em uma figura de proa de um dos veículos? Alcoolismo e depressão geralmente bastam para humanizar o protagonista machão, quando querem fugir do estoico silencioso e levemente psicopata (que nem o Mel Gibson nos originais).

Detestei esse trailer. Inovador onde não vale a pena, e retrógrado nos piores aspectos.

Fonte: Bleeding Cool

Tagged

Goku e Sheng Long dividem espaço em novo trailer

O novo filme de Dragon Ball Z ganhou seu primeiro teaser trailer, um vídeo com menos de 30 segundos que mostra apenas o protagonista, Son Goku, e o dragão Sheng Long. A criatura, cuja importância foi reduzida com o passar do tempo, é responsável por realizar os desejos de quem coletar as 7 dragon balls que dão nome ao mangá e anime.

© Toei

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Em Dragon Ball, coletar as esferas era o principal motivador das tramas – em Z o bicho só aparece para ressuscitar a população trucidada da Terra, após o vilão da temporada ter sido destruído.

O teaser é terrível, tem praticamente duas cenas de três segundos em um loop, mas pelo menos passa a impressão que o Sheng Long vai ter algum papel relevante. Quem sabe o Goku ganha algum poder relacionado a dragões? Pensando bem, o último arco de história de GT tinha dragões humanóides saídos das esferas como vilões. Que desenho mais horrível.

E chega de falar de desenhos animados por esta semana!

Fonte: Anime News Network

Tagged ,

Korra perde sua vaga na televisão americana

A série animada Avatar: A Lenda de Korra foi retirada oficialmente da grade de programação do canal americano Nickelodeon, ainda no meio de sua terceira temporada. Os cinco episódios restantes serão exibidos online, no site da emissora e em serviços de streaming.

© Nickelodeon

Segundo um dos criadores da série, Michael DiMartino, a quarta temporada, ou Livro Quatro, já está sendo animada e ele acredita que os fãs terão acesso ao material.

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Fazem pouquíssimas semanas que divulguei um trailer do Book 3, e eis que a série é praticamente cancelada. Na verdade lembro de ter ficado espantado em saber que ainda estava em produção, o que acredito ser um reflexo de seu pequeno impacto midiático mais do que minha falta de interesse.

Por outro lado há a tal sobrevida na internet, opção que há cinco anos não existia. Lembro de participar em petições online para dar continuidade a programas de TV que não foram a lugar algum, mas que hoje em dia poderiam ter impacto junto aos produtores do Netflix e seus concorrentes. Quem sabe teríamos visto uma temporada completa de Brimstone, por exemplo. 

Acho que entendo porque essa nova avatar não repetiu o sucesso do original. Por algum motivo resolveram fazer uma protagonista adolescente (tentando acompanhar a idade do público original, talvez), o que tem imediatamente menos charme que uma criança herói. E, para piorar, o vilão (pelo menos na primeira temporada) tinha a abominável habilidade de roubar o poder de outras pessoas – percebi visivelmente o quanto essa ideia incomodou e deixou meus filhos desconfortáveis – é uma noção terrível, e provavelmente afastou o pessoal que esperava um ambiente mais heróico e seguro.

Assistimos somente ao primeiro episódio, já que ficar se agendando para ver coisas na televisão é um conceito alienígena aqui em casa. Mas quando aparecer no Netflix vou tentar assistir com eles, pois achei o cenário muito mais interessante que o original.

Fonte: Screen Crush

Tagged

Nova aventura de Lara Croft este ano

Lara Croft and the Temple of Osiris vai ser lançado em dezembro deste ano, para PlayStation 4, Xbox One e PC, segundo a Square Enix. O jogo vai manter a mesma perspectiva isométrica de Lara Croft and the Guardian of Light, de 2010, e terá opção multiplayer para até 4 pessoas.


© Square Enix

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Já fazem 4 anos? Não joguei Guardian of Light (que novidade), mas lembro de ouvir muitos elogios, principalmente quanto ao co-op. Se não me engano, Lara podia jogar ao lado de um guerreiro com uma lança, ou algo assim. Parece divertido, mas provavelmente funciona melhor em um videogame do que no PC. Daí ficou definitivamente impossível jogar. Único videogame aqui em casa é um Wii (sem o U).

Fonte: Videogamer.com

Tagged

Explosões e confrontos em novo desenho de Star Wars

Star Wars Rebels ganhou um novo trailer, com material já apresentado em outros vídeos, mas também cenas de ação inéditas. O desenho animado é o primeiro produto da Disney desde que adquiriu a franquia de George Lucas, e deve servir como elo entre as duas trilogias. Exibição prevista para outubro, nos EUA, no canal Disney X D.

© Disney

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Achei que estava acompanhando bem esse material, mas não fazia a mínima ideia que o guri de macacão era um Jedi em potencial. Na verdade, achei que iam ter apenas um deles na série toda, já que, teoricamente, Luke Skywalker seria a primeira pessoa treinada como Jedi em décadas. Sei lá como vão resolver isso, se vão trucidar todo mundo antes do Episódio IV, se vão se esconder em outra galáxia, se há alguma habilidade jedi para apagar mentes… eu apostaria em fingir a morte dos envolvidos.

Quando anunciaram que os antigos livros do universo expandido de Star Wars não eram mais canônicos, que iam começar uma linha nova de romances, defendi a iniciativa, dizendo que seria uma boa oportunidade para o pessoal de fora começar do zero, sem precisar atravessar trinta anos de publicação. Até tinha me animado para fazer parte disso, ia comprar os primeiros livros, ver no que ia dar – mas estão tão caros… 12 dólares por um e-book, e vão soltar quatro em um intervalo curto.

Se o preço não cair, e duvido que vá, estou fora.

Fonte: Slash Film

Tagged

Crossover e história tradicional para o bárbaro Conan em julho

Está à venda o primeiro número de Groo vs. Conan, revista em quadrinhos da Dark Horse Comics que coloca o bárbaro cimério para enfrentar sua paródia mais famosa. A minissérie tem roteiro de Mark Evanier e Sergio Aragonés (criador de Groo), que também divide a arte com Thomas Yeates, e as cores ficaram com Tom Luth. A primeira edição tem 32 páginas e custa US$ 3,50, em edição digital e impressa.


© Dark Horse Comics

E na sua nova série mensal, Conan the Avenger, chega o quarto número com o bárbaro enfrentando magos e mortos-vivos ao lado de um exército, na nação de Kush. Fred Van Lente continua escrevendo, agora com a arte de Eduardo Francisco, e cores de Michael Atiyeh. Mesmo preço e distribuição da revista acima.


© Dark Horse Comics

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Já tinha visto esse preview de Conan vs. Groo, realmente gostei da combinação da arte, ficou hilária – a metalinguagem com os criadores discutindo a história eleva o crossover a um outro nível. Só não estou entendendo esse papo do Groo ser o homem capaz de derrotar o Conan. O bárbaro nunca foi invencível, ser capturado inconsciente é um chavão clássico de suas histórias em quadrinhos – exceto por duelos um contra um, quando é quase obrigatório mostrar toda sua habilidade.

Acho um barato as histórias do Amra, versão “homem branco na África” do Conan, mesmo quando ele não está acompanhado da Bêlit. Essa trama está bem interessante, com elementos mágicos bem exóticos. A arte está bem estranha, deixaram o Conan lindo demais – sempre foi caracterizado como bonito, mas sempre másculo. O Eduardo Francisco deixou ele meio andrógino até. Como fã do personagem acho bizarro, como apreciador de arte em quadrinhos, aceito a boa qualidade técnica.

Fonte: Dark Horse

Tagged

Conspiração sobrenatural na BBC

A BBC America vai lançar um novo suspense sobrenatural em agosto, intitulado The Intruders. A série é uma adaptação do livro de mesmo nome (e inédito no Brasil) escrito por Michael Marshall Smith, sobre um ex-policial cuja esposa desaparece, e sociedades secretas com poderes estranhos.

© BBC

O programa será protagonizado por John Simm (Life on Mars, Doctor Who), com roteiro de Glen Morgan (Arquivos X, Millennium, Premonição). Também participam Mira Sorvino e Robert Forster. Eduardo Sanchez, um dos diretores de A Bruxa de Blair, está creditado como diretor de um episódio.

________________________________ ◊ Opinião ◊  ________________________________

Se não fosse a sinopse me dizendo quem é o protagonista, não teria a mínima ideia. Reconheci a Mira Sorvino, mas o nome dela está tão enterrado nos créditos que duvidei por um instante, achando que se tratava de uma sósia. Fiquei muito intrigado, mas provavelmente serão meses antes que a série seja lançada aqui.

O livro, no entanto, está por um preço bem simpático na Amazon. Vou deixar separado para o mês que vem, que nesse acho que abusei de novo. Malditos livros de ficção e RPG e seus preços ridículos, que se acumulam tão rápido.

Fonte: io9

Tagged ,
Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

Join 101 other followers